×

Exposição “Dança dos Encontros” vai até o dia 05 de novembro no Edifício Vera no centro histórico de São Paulo

Exposição “Dança dos Encontros” vai até o dia 05 de novembro no Edifício Vera no centro histórico de São Paulo

Evento é a primeira ação coletiva entre todos os expositores do espaço cultural e tem a curadoria de Renato De Cara

A exposição de artes “Dança de Encontros”, primeira ação coletiva dos artistas do Edifício Vera, que acontece no primeiro andar do prédio, no centro histórico de São Paulo, já começou e vai até o dia 05 de novembro. Quem prestigiar a mostra terá a oportunidade de observar obras de diferentes linguagens como pintura, gravura, desenho, escultura, assemblage, instalação, fotografia, arte digital, serigrafia, vídeo, entre outros.

Com a curadoria de Renato De Cara, essa primeira exposição coletiva têm a participação de 33 artistas independentes que atuam no Vera, além de artistas dos dois espaços culturais que também funcionam ali: o Vórtice Cultural e o Lux

Espaço de Arte, sendo o segundo responsável pela produção cultural das atividades do Edifício. Sempre com entrada gratuita, a exposição tem como peculiaridade juntar desde jovens que estão começando agora a carreira, como artistas que já estão no circuito das artes há um bom tempo.

“A exposição está sendo um sucesso de público e crítica nesses primeiros dias, por aqui temos de tudo, dos mais variados artistas com esse recorte contemporâneo, com muita diversidade, com um pouco de herança e relações, com diferentes obras, de vídeo até escultura, fotografia, enfim, estamos felizes por ser a primeira exposição coletiva dos artistas participantes do edifício do Edifício Vera”, explicou o curador, Renato De Cara.

A coletiva “Dança dos Encontros” traz obras de: Amanda Elosa, Carol Ambrósio, Cristiana Bei, Cristina Canepa, Cynthia Loeb, Daniel Mello, Deolinda Aguiar, Élcio Miazaki, Flávia Ventura, Gabriel Pessoto, Gina Dinucci, Glaucco, Helena Marc, Júlia Hallal, Karen Dolorez, Leandro Gutum, Leonardo Maciel, Luiz Ardezzoni, Maria Luiza Mazzetto, Marcio Marianno, Miriam Bratfisch Santiago, Neiliane Araujo, Paulo Agi, Paulo Cibella, Rafaela Jemmene, Renata Barros, Renata Basile, Roberta Segura, Ro Ferrarezi, Soraia Dias, Thales Pomb, Thatiana Cardoso e Thiago Toes.

Além de curtir a exposição, quem for, terá também a oportunidade de conhecer o próprio Edifício Vera, um imóvel construído na década de 1950, no coração da cidade, que abriga diversos ateliês e projetos na área das artes visuais, sendo 39 artistas habitantes do prédio. Além dos ateliês fixos, o Edifício Vera também oferece a Residência Edifício Vera, no intuito de fomentar a produção artística contemporânea em diálogo com o centro da capital paulista, uma experiência imersiva através de espaço e acompanhamento.

Serviço
Exposição “Dança dos Encontros”
Curadoria: Renato de Cara
Coordenação: Cynthia Loeb
Produção: Lux Espaço de Arte
Local: Edifício Vera — 1º andar — Rua Álvares
Penteado, 87 — Centro, São Paulo/SP.
Data: Até 05 de novembro de 2022
Horário: Presencial – de segunda a sábado das 11h às 18h
Entrada gratuita

Sobre o curador Renato De Cara
Nascido em Lins, SP, em 1963. Vive e trabalha em São Paulo. Jornalista formado pela PUC/SP em 1985. Interessado em arte, cultura e moda, especializou-se em estética contemporânea, produzindo, escrevendo, editando e fotografando para marcas e veículos de comunicação. Colaborou para jornais como Folha de S.Paulo, Jornal da Tarde e O Estado de São
Paulo; revistas como Vogue, World Fashion, Select e Bravo; e estúdios de criação. Foi coordenador do estúdio fotográfico da agência DPZ em 1993; do estúdio de criação Giovanni Bianco em 2001 e do marketing da marca Cavalera em 2008. De 2006 a 2017 dirigiu a Galeria Mezanino, produzindo e curando exposições individuais e coletivas, apresentando novos nomes e resgatando artistas em meio de carreira, cruzando linguagens e propondo novas abordagens no mercado de arte contemporânea. Em 2018 foi diretor do Departamento de Museus Municipais de São Paulo, coordenando uma equipe de trinta profissionais em quinze espaços museológicos históricos, construídos entre os séculos XVII e XX Com acervos fotográfico, de bens móveis, de história oral, etnológico, de design e folclórico, além do arquitetônico, a gestão procurou acessar todos esses conteúdos confrontando-os em diálogos com a arte contemporânea. Faz acompanhamento de artistas e dá consultoria curatorial para coleções públicas e privadas, espaços culturais, residências artísticas e galerias de arte.

Sobre o Edifício Vera
Construído em meados de 1950, o Edifício Vera está localizado no centro de São Paulo, em frente ao Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) e próximo a locais como Teatro Municipal, Museu da Cidade, Farol Santander, Praça das Artes e Estúdio Lâmina. Tradicionalmente, a região sempre concentrou escritórios e instituições financeiras, mas com a reconfiguração da cidade, as construções passaram a receber outras atividades. Após ter alguns ambientes restaurados, além de abrigar escritórios, o Edifício Vera passa a ser um espaço artístico e cultural, que conta com biblioteca, ateliês e uma sala de exposições. Com foco em diferentes linguagens, o Vera abre espaço para a arte contemporânea produzida em programas de residência e por artistas que se interessam em pensar sobre a cidade e a região, que vem ganhando reconhecimento por ser um polo nacional dedicado às artes.

Publicar comentário