Prelúdio 2023: Jovens Talentos da Música Clássica Competem pela Academia Franz Liszt

No próximo domingo, dia 17 de setembro, a TV Cultura dará início à 18ª temporada do amado programa de música clássica, o Prelúdio. Com 18 anos de tradição, o Prelúdio continua a ser um farol para jovens talentos da música clássica, e nesta edição, promete surpreender com um novo formato e um elenco de músicos excepcionais.

Novidades na Temporada 2023

Este ano, o Prelúdio traz algumas mudanças empolgantes. O programa será dividido em oito fases eliminatórias, permitindo que cada participante se apresente duas vezes, em episódios diferentes e interpretando músicas distintas. Aqueles que alcançarem as maiores notas terão a oportunidade de competir nas semifinais. A intenção é clara: dar mais visibilidade aos jovens músicos talentosos.

A grande final, um evento imperdível, acontecerá ao vivo no sábado, dia 25 de novembro, na prestigiada Sala São Paulo, com uma reapresentação marcada para o domingo, dia 26 de novembro. O vencedor desta edição terá a chance de conquistar uma bolsa de estudos na renomada Academia Franz Liszt, em Budapeste, na Hungria, uma das instituições de música mais prestigiadas do mundo, graças ao generoso prêmio oferecido pelo Consulado da Hungria.

Os Destaques do Prelúdio 2023

Os 16 músicos selecionados para competir no Prelúdio 2023 têm idades que variam entre 13 e 28 anos e representam diversas regiões do Brasil. Eles são:

  • Alessandra Carvalho (28 anos) – São Paulo, SP (voz)
  • Alisson Jacinto (23 anos) – Pacatuba, CE (marimba)
  • Brenda Olivieri (23 anos) – São Paulo, SP (harpa)
  • Débora Neves (23 anos) – Bauru, SP (voz)
  • Gabriel Beck (13 anos) – São Paulo, SP (piano)
  • Gabriela Fiorini (24 anos) – São Paulo, SP (flauta)
  • Guilherme Frazatto (25 anos) – São Paulo, SP (piano)
  • Israel de Almeida (20 anos) – São Paulo, SP (viola)
  • Isaac Francisco (24 anos) – Brasília, DF (violino)
  • João Pedro Ferraz (25 anos) – São Paulo, SP (violino)
  • Matheus Versiani (21 anos) – São Paulo, SP (piano)
  • Paulo Félix (24 anos) – Bauru, SP (saxofone)
  • Pillar Gisele (20 anos) – São Paulo, SP (violoncelo)
  • Renato Vieira (23 anos) – São Paulo, SP (oboé)
  • Ricardo Gaio (28 anos) – Rio de Janeiro, RJ (voz)
  • Samuel Queiros (18 anos) – São Paulo, SP (clarinete)

A Primeira Eliminatória

O Prelúdio 2023 começa com grande expectativa, e a primeira eliminatória, que ocorrerá neste domingo, dia 17 de setembro, às 16h, apresentará quatro jovens músicos talentosos. Alessandra Carvalho impressionará com sua voz, Paulo Félix com seu saxofone, Brenda Gabriele dos Santos Olivieri com sua harpa e Issac Francisco com seu violino.

Um painel de jurados de renome avaliará suas performances. O júri é composto pela talentosa cantora Celine Imbert, pelo experiente jornalista e crítico musical Irineu Franco Perpétuo, pelo maestro Emiliano Patarra e pelo renomado produtor musical João Marcello Bôscoli.

O Legado do Prelúdio

Ao longo de seus 18 anos de existência, o Prelúdio tem desempenhado um papel fundamental na promoção de jovens talentos da música clássica. Muitos dos participantes anteriores agora ocupam posições de destaque no cenário internacional, mostrando o impacto duradouro deste programa.

Nomes como o pianista Cristian Budu, vencedor do Prelúdio em 2007, o violinista Guido Sant’Anna, finalista do Prelúdio 2014, o pianista Estefan Iatcekiw e o cantor Bruno Sá, que brilharam em 2017, são apenas alguns exemplos. O vencedor de 2019, o pianista Felipe Naim, foi para Budapeste, concluiu seus estudos na Academia Franz Liszt e agora ensina e se apresenta pela Europa. Samuel Alves, vencedor de 2022, está prestes a iniciar sua jornada de estudos na mesma renomada academia.

O Prelúdio é uma celebração da música clássica e da juventude talentosa do Brasil. Não perca a emocionante jornada dos participantes e as belas performances musicais nesta temporada que promete ser inesquecível. Acompanhe o Prelúdio 2023 na TV Cultura e torça pelo seu músico favorito enquanto eles competem pelo prestigioso prêmio da Academia Franz Liszt.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.