Obra infantil convida o público ao universo da poesia por meio do registro das coisas simples da vida

Obra infantil convida o público ao universo da poesia por meio do registro das coisas simples da vida

A PAULUS Editora lançou recentemente o livro infantil intitulado “O vilarejo poético”, da autora e ilustradora Adriana Gamelas. Este livro é um convite aos leitores de todas as idades para explorar o universo da poesia através da celebração das coisas simples e cotidianas.

Composto por vinte poesias cativantes, o livro mergulha os leitores em um universo de cores, sons, cheiros e imagens, onde as riquezas do estado de Minas Gerais são habilmente capturadas. Cada poema é uma jornada pela vida no vilarejo, resgatando elementos autênticos como comidas típicas e a vida na fazenda, tudo ilustrado no característico estilo de arte naif da autora.

Os títulos inspiradores das poesias são como janelas para o cotidiano, incluindo “Vilarejo”, “Estrelas que roncam”, “Cheiro de boi” e muitos outros. A autora tece palavras que desvelam a realidade cotidiana e evocam memórias significativas, permitindo que os leitores explorem um mundo poético repleto de imagens e sensações.

Cintia Barreto, escritora e doutora em Literatura Brasileira pela UFRJ, descreve a obra como uma viagem para um vilarejo repleto de elementos naturais, onde até mesmo as atividades mais simples ganham vida. Cenas da infância, abraços de mãe, brincadeiras de rua e personagens marcantes preenchem as páginas, despertando a imaginação tanto dos pequenos leitores quanto dos adultos.

Nas páginas poéticas, Adriana Gamelas incorpora elementos como o sol, a lua, o mar e as estrelas, enquanto explora as vantagens de viver em uma cidade pequena, onde as coisas simples se transformam em poesia inspiradora. Este livro, parte da coleção “Poesia Livre”, não apenas encanta crianças, mas também convida adultos a redescobrirem a simplicidade da vida através dos olhos de uma criança.

Adriana Gamelas, natural do Rio de Janeiro e apaixonada por Minas Gerais, compartilha seu amor pela literatura infantil e pela poesia. Sua obra, “O vilarejo poético”, é um convite a todos aqueles que desejam embarcar em uma jornada poética pelas alegrias e encantos da vida cotidiana. Com ilustrações naifs e uma linguagem cativante, este livro é um tesouro a ser apreciado por gerações.

marramaqueadmin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *